Pages

12 de dez de 2012

Insight

Imagem: www.wellbeing.com.au 
De uns dias para cá, tenho andado meio down. Raiva de mim mesma. Sei lá, deu um "click" de que estou gorda demais. Lógico que eu já sabia disso, mas... parece que ultimamente tenho achado essa situação mais deprimente do que nunca.

Vivo tentando fazer as coisas certas, mas a cada derrapada, o tombo é grande!

Confessei meus pecados para a psicóloga. Sem dúvidas, estou praticando autossabotagem. Se, no fundo, no fundo, a autossabotagem serve para manter uma situação que não queremos mudar, então... a situação é mesmo preocupante! Ainda mais quando já se pensou todas as possibilidades e não se conseguiu chegar a uma resposta concreta e definitiva.

Tenho sentido um misto de sentimentos: desânimo, raiva, tristeza, vergonha... Acho que chega um momento na vida de todo gordo em que ele tem um "insight" que o faz mudar tudo em sua vida, a fim de alcançar sua meta. Tomara que o meu insight tenha chegado.

Inté!

6 comentários:

  1. Olha. eu não acredito em "autossabotagem", não desse jeito que vendem pra gente.

    Eu acho que na realidade é tudo muito mais simples:

    1-você está acostumada com uma coisa
    2-essa coisa faz mal pra você, mas é uma coisa prazerosa
    3-você sabe conscientemente que não deve mais fazer a coisa
    4-você queria muito não precisar pensar nisso e só aproveitar o "prazeroso"
    5-você SABE que tem que mudar e começa o processo
    6-você está ACOSTUMADA, então, o costume, o hábito, faz você querer fazer a coisa
    7-você faz a coisa que é acostumada.

    Na real, é um hábito, um costume. Até você desacostumar vai muito tempo. MUITO tempo. Não é você secretamente fazendo coisas para que você não tenha sucesso (autossabotagem), é o hábito.

    Portanto, acho que essas recaídas só servem para mostrar que você tem muito trabalho pela frente, e que sim, você está no caminho certo

    Que tal?

    ResponderExcluir
  2. Não tinha pensado por esse lado. Mas você sabe que tem razão? Estou lendo um livro chamado "Dieta sem Dieta", que fala exatamente sobre isso. Precisamos quebrar a teia de velhos hábitos para que os novos (e saudáveis)tenham espaço para se instalar.

    ResponderExcluir
  3. Muito interessante! Realmente isso influencia muito para emagrecer, ainda mais se for pra ser urgente. Sucesso!

    ResponderExcluir
  4. Concordo. O hábito tem uma força tremenda, maior do que a gente imagina. Eu quero me arrumar mais, cuidar mais da saúde, malhar, cuidar das minhas coisas, ser mais organizada, cumprir as promessas que faço para mim mesma, mudar de vida, etc. etc. etc. kakakakakaka
    Não faço nada por causa da força do hábito!!

    ResponderExcluir
  5. Temos que criar hábitos saudáveis, pra substituir os maus hábitos. Dose é persistir por pelo menos 3 meses (que é o tempo que levamos pra adquirir um hábito)...

    ResponderExcluir
  6. E sem mudança de hábito, a gente não vai conseguir nada.

    ResponderExcluir

Free Blog Template by June Lily
Real Time Analytics